Menina de 9 anos pula portão para pedir ajuda para mãe que era espancada por padrasto

Na noite desta quinta-feira (23) uma mulher de 28 anos procurou a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à ) depois de ser agredida pelo namorado de 34 anos, na Vila Fernanda em Campo Grande. A mulher acabou salva pelo irmão que morava perto da casa do autor.

 – Midia Max

Na delegacia, a vítima contou que estava com os filhos de outro relacionamento, de 9 e 12 anos, na casa do namorado bebendo e comendo churrasco quando por volta da meia noite de quinta (23) ele começou a questioná-la se o primo dele havia dado em cima dela.

A mulher se recusou a continuar a conversa avisando que iria embora da casa, sendo que neste momento ele trancou a porta e não a deixou sair a empurrando contra a parede e a enforcando. A vítima gritou por socorro e o homem tapou a sua boca para silenciá-la.

A filha de 9 anos da mulher pulou o portão e correu até a casa do tio, que mora perto do autor para pedir ajuda para a mãe. O irmão da mulher foi até a casa e a socorreu, nisso o autor fugiu do local. O casal está junto há 1 ano e 8 meses. Ela pediu medidas protetivas contra ele.