Justiça de MS determina que ex-PM preso por contrabando de cigarros seja transferido para presídio federal

A Justiça de Mato Grosso do Sul pediu, nesta terça-feira (3), a transferência do ex-policial militar Fábio Costa, conhecido como “Pingo” e “Japonês”, para um presídio federal. Pingo está em uma cadeia pública em Foz do Iguaçu (PR) desde que foi preso. Ele é suspeito de corromper agentes públicos para facilitarem a passagem de cargas de contrabando de cigarro.

G1 MS

O pedido de transferência foi feito com urgência e deve acontecer ainda este ano. O presídio ainda será definido pelo Ministério Público Federal e pela defesa do acusado. Pingo é considerado um dos 26 criminosos mais perigosos do Brasil. Ele era procurado desde 2018 por ser uma das peças-chave do esquema de contrabando de cigarros em Mato Grosso do Sul.

Pingo foi encontrado pela polícia no último dia 11 em um condomínio de luxo em Salto Del Guairá, no Paraguai. O ex-policial militar é investigado por crimes contra a vida (pistolagem), contrabando e descaminho, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com