www.bvnewsms.com.br

Após ser agredida, vereadora consegue medida protetiva contra colega de parlamento

A juíza Penélope Mota Calarge Regasso concedeu medida protetiva à vereadora Fabrizia Tinoco, que foi agredida pelo vereador Francisco Gutierres após uma discussão, em Bela Vista.

Rayani Santa Cruz – Top Midia News 

Conforme divulgado em vídeo no perfil do Facebook pela própria vítima, Gutierres teria agredido e arrastado Fabrizia pelos cabelos, até a porta do escritório da Secretaria de Obras. A parlamentar teria ido ao local para cobrar sobre o abando de uma obra em uma das vias da cidade. Ela ficou com marcas roxas pelo corpo.

Fabrizia que fez boletim de ocorrência e corpo de delito teve o pedido de proteção formalizado pelo delegado do município. Conforme o site BV News, na decisão, a juíza cita que: “do exame dos autos, verifica-se que há provas da materialidade do delito de lesão corporal dolosa, havendo indícios suficientes de que a autoria recai sobre o representado, conforme se verifica da análise do boletim de ocorrência (f. 4/5), termo de declarações da ofendida (f. 8/9), laudo de exame de corpo de delito (f. 6/7), e fotografias (f. 2/3).”

Após intimado, o agressor, no caso o vereador Gutierres, não poderá se aproximar da vítima, muito menos manter contato com ela por qualquer meio de comunicação, sob pena de prisão por descumprimento à ordem judicial.

A medida protetiva foi concedida na sexta-feira (15), a pedido da Polícia Civil de Bela Vista.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com