www.bvnewsms.com.br

Idoso com suspeita de câncer perde moto em blitz e implora ajuda para garantir transporte

Acacio da Silva Montiel, 63 anos e morador do bairro Zé Pereira, em Campo Grande está com suspeita de câncer e ainda perdeu a moto em uma blitz na última sexta-feira (2). Agora ele apela para o bom coração das pessoas em uma Vakinha Virtualpara comprar outra motoca e poder trabalhar.

Rayani Santa Cruz – Top Midia News 

Ele contou ao TopMídiaNews, que é autônomo e trabalha prestando serviços como pedreiro em um condomínio de luxo na região norte da cidade. Mas, mesmo assim não conseguia quitar a documentação da moto há dois anos.

Acacio foi buscar a esposa no serviço no bairro Santo Amaro, quando foi parado na rua Yokoama e teve a motocicleta apreendida. Ele afirma que sabia dos riscos, mas não tinha alternativa.

Além disso, Acacio passa por exames por conta da possível doença no esôfago. Ele afirma que passou a sentir muitas dores e teve dias em que não conseguia engolir até mesmo água.

Ele ficou internado na semana passada por quatro dias na UPA Vila Almeida e logo após a alta perdeu a moto.

A enteada fez a Vakinha Virtual e a família conseguiu com muita ajuda marcar uma consulta no Hospital do Câncer dia 11 de julho, onde deve fazer uma ressonância.

Acacio está indo trabalhar de ônibus e diz que mesmo com dores precisa do ganha pão para a família.

“O grupo da Vakinha é pra comprar outra moto documentada para não dar esse problema mais. Eu uso para trabalhar. Estou pedindo o que puder ajudar  e vou puxar o extrato e agradecer todo mundo. O médico disse que eu não posso pegar muito peso e mandou cortar o cigarro e bebida alcoólica, aí cortei. Fiquei em observação na Upa e fui muito bem tratado, agora preciso ficar acompanhando.”

A meta da Vakinha Virtual é de R$ 3 mil e aqueles que puderem contribuir ainda podem fazer um Pix no CPF 30570379172.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com