Recomendação da ONU sobre Lula ‘não tem nenhuma efetividade’, diz Alckmin

136

O candidato a presidente Geraldo Alckmin (PSDB) disse nesta segunda-feira (20) que a recomendação do Conselho de Direitos Humanos da ONU para que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) possa disputar a eleição é inócua.

Alckmin minimizou a traição de aliados como Ciro Nogueira, presidente do PP, que declarou voto em Lula.

O presidenciável também relativizou a pesquisa CNT, que mostra Lula na liderança, seguido por Jair Bolsonaro (PSL), com o tucano com 4,9% da intenção de voto.

“Pesquisa é como perfume. Não é para tomar, é para observar”, afirmou. O tucano voltou a dizer que a campanha começará efetivamente com o horário eleitoral na TV e no rádio, a partir do dia 31. “As pesquisas vão mudar totalmente”, apostou.
Facebook Comentarios