Novos soldados recebem a Boina Preta no 10° Rc Mec

243
????????????????????????????????????

O 10º RC MEC de Bela Vista realizou na manhã desta segunda-feira 07.05 no pátio de formaturas                       a cerimônia de entrega da Boina Preta aos jovens recrutas incorporados no ano de 2018.

Edson Lacorte

A cerimônia teve inicio às 10hs com apresentação da tropa ao Ten.Cel. Ivan Dias Fernandes Junior Comandante do Regimento Antônio João.

Encontrava-se também em destaque, o 1º Ten. Couto Comandante do Pelotão de Comunicações representando os militares integrantes da arma de Comunicações que prestam seus serviços no 10º RC MEC, os Aspirantes integrantes da Seção de Saúde que acompanharam exercício.

Também nesse dia, o Exército Brasileiro comemora o Dia das Comunicações, o Dia da Vitóriaque marca o fim da 2ª Guerra Mundial que transcorreu em 8 de Maio.

Foi destacada a participação do 10º Regimento Antônio João naépoca Regimento de Cavalaria Independente, que durante a guerra participou do confronto enviando 71 soldados, sendo Teodoro Sativa e Alcebíades Bobadilha da Cunha tombados em campo de batalha orgulhando assim o histórico Regimento situado na divisa do Brasil com a Paraguai e os belavistenses.

Durante a cerimônia foi realizada uma homenagem alusiva ao Dia da Cavalaria, homenageando o insigne patrono da Arma de Cavalaria, Marechal Manoel Luis Osório, que comemora-se no dia 10 de maio.

Final do período do Campo

Após 4 dias no campo que iniciou-se na quarta-feira e encerrou-se na sábado, com uma marcha de 12 km, o acampamento de instrução individual básica, para os soldados do efetivo variável incorporados em 2018.

Nesses quatro dias e quatro noites, eles tiveram instruções de campanha, onde os limites físicos foram testados em oficinas supervisionadas por militares do efetivo profissional.

Momento significativo na vida do soldado, o “campo”, como é informalmente chamado, avalia o desempenho de cada um como se estivesse em situações reais de combate.

Transpor um curso d’água, correr armado e equipado, participar de simulação de primeiros socorros, atirar (de dia e de noite), orientar-se no terreno e progredir sob condições extremas são algumas das situações vivenciadas.

As pistas, montadas no campo de instruções do Regimento, contaram com estrutura e apoio de equipes médicas, de logística e de segurança, envolvendo dezenas de militares profissionais.

Nas jornadas do acampamento, os 180 soldados cumpriram roteiro com instruções pela manhã, tarde e noite, revelando abnegação nas práticas militares.

Com a conclusão desse Acampamento de Instrução individual Básica (campo) ,os concluentes receberam na manhã desta segunda-feira 07.05 a Boina Preta.

Entrega da Boina Preta


A Boina Preta é o símbolo do combatente blindado.

Nesta solenidade foi apresentado o soldado Fiori destaque selecionadopelo seu desempenho na instrução, serviço, preparo físico e atividades operacionais no período do campo.

Foram parabenizados os aspirantes um médico e uma dentista que participaram das atividades de campo, percorrendo todos as oficinas que os soldados participaram

Falando aos presentes o Comandante destacou “a Boina Preta simboliza para nós militares, muito mais além que uma mera cobertura que nós colocamos sobre as nossas cabeças, a Boina Preta ela traduz o espírito da tropa blindada e tropa mecanizada e pra manter sempre a tradição, destacou o Comandante “ela não é simplesmente entregue ou distribuída ao militar, ela é conquistada, e todos os soldados que estão aqui em forma conquistaram esse direito, direito de ostentar a Boina Preta sobre suas cabeças,eu estive presente acompanhando a jornada do acampamento, meus Oficiais do Estado Maior a mesma coisa, meu Adjunto de Comando compareceu também, e nós acompanhamos o elevado preparo das oficinas, aí vou destacando os instrutores, que são os oficiais e sargentos, as oficinas muito bem montadas, com um grau de dificuldade elevado, mas conduzidas com o máximo de profissionalismo.

E agora eu falo aos soldados do Efetivo Variável que estão aqui em forma, então Parabéns pela vitória, eu estive várias vezes presente com os senhores e vi a vibração, a vontade de acertar, enfrentando todas as dificuldades, nós entendemos que não é fácil, o jovem que alguns meses atráspertenciam à sociedade civil, incorporaram o Exército e estão sendo submetidos a uma forja, uma imersão em valores, muitos deles esquecidos pela nossa sociedade, mas o Exército não se esquece e está sempre levando esses valores, os reais valores da vida, e os soldados reagiram muito bem, dormiram pouco, ficaram molhados, ficaram suados, acordaram de madrugada, realizaram pistas noturnas, enfrentaram o desconhecido para eles, enfrentaram e venceram, eu tenho certeza, e hoje eles aprenderam a confiar mais em Deus e em si mesmos, então, prossigam, é muito gratificantes nos observar as mudanças,os pais eu tenho certeza já devem ter observado pois aquele garoto que entrou no Exército a pouco tempo atrás, está aqui em forma, e já vemos eles como homens, seguindo a jornada”.  

Familiares de soldados que vieram de outras cidades como Deodápolis,Glória de Dourados,Amambai, amigos e convidados dos soldados se fizeram presentes nesta cerimônia que marca a vida de centenas de jovens aqui da fronteira.

No final da cerimônia, foi oferecido um lanche com suco aos pais dos soldados, madrinhas e convidados.

Facebook Comentarios