Justiça nega liberdade a André Puccinelli Júnior

673

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido de liberdade do advogado André Puccinelli Júnior, preso desde 20 de julho junto com o pai ex-governador André Puccinelli. O advogado João Paulo Calves, preso no mesmo dia pela operação Lama Asfáltica, teve habeas corpus aceito nesta terça-feira (23).

POR LEANDRO ABREU – CORREIO DO ESTADO

O trio está preso desde o dia 20 de julho a pedido do Ministério Público Federal (MPF), com deferimento do Tribunal Regional Eleitoral da 3ª Região, por conta de provas que foram apreendidas na 5ª Fase da Operação Lama Asfáltica, Papiros de Lama, desencadeada no fim do ano passado.

No habeas corpus acatado ontem para Calves também constava como recorrente Puccinelli e o filho. A esperança da defesa era que o pedido de liberdade fosse estendido a todos, o que aparentemente não ocorreu.

Às 12h18, no horário de Brasília, foi publicado no processo do STJ que a medida liminar não foi concedido a André Puccinelli Júnior. Agora, é aguardada a decisão que envolve o ex-governador.

Ontem, o advogado de defesa de João Paulo Calves, André Borges, destacou que sempre confiou na Justiça. “Nunca a defesa deixou de acreditar na justiça, que às vezes demora um pouco, mas sempre é alcançada. Liminar será cumprida com urgência”, disse.

Facebook Comentarios