Confira a lista das cidades com alerta vermelho para temporal nesta quinta-feira

448

A Defesa Civil de Mato Grosso Civil emitiu um alerta, nesta quinta-feira (27), sobre as rajadas de vento e tempestades que podem cair em algumas cidades até o início da madrugada. Alguns municípios, como Bandeirantes, já registraram rastros de destruição devido aos 15 minutos de ventania que atingiram a região durante a tarde.

 – Midia Max

O agente Otávio Boldori, chefe de minimização de Desastres da Defesa Civil, explica que a mudança brusca na nebulosidade do Estado foi causada por dois sistemas, um de frente fria subindo pelo Sul do Brasil e um de baixa pressão sobre o Paraguai. Esses dois métodos combinados resultam em fenômenos como vendavais e chuvas acumuladas.

Conforme o meteorologista Natálio Abrahão filho, da Estação Meteorológica Uniderp, cinco municípios registraram chuvas e moradores devem ficar atentos para possíveis temporais e descargas elétricas na região.

Apesar da chuva fraca que caiu em Amambai e Angélica, os ventos podem ficar intensos até o início da madrugada nessas cidades. Bandeirantes, região mais atingida durante a tarde, com ventos de 110 km/h, deve continuar tomando cuidado nas próximas horas. Em Bataguassu, as rajadas chegaram a 72 km/h e, até o fim do dia, trovões e raios podem assolar o município. Na Capital, a chuva deve permanecer até a noite e os ventos não passam dos 55 km/h.

Prevenção

A Defesa Civil orienta os moradores a tomarem cuidados em dias com descargas elétricas e ventanias. São eles:

• Durante as tempestades fique em casa.

• Saia somente se for absolutamente necessário.

• Não retire nem coloque roupa em estendedores (varais) de arame durante a tempestade.

• Mantenha-se afastado e não trabalhe em cercas, alambrados, linha telefônicas ou elétricas e estruturas metálicas.

• Não manipule materiais inflamáveis em recipientes abertos.

• Não operar tratores ou máquinas, especialmente, para rebocar equipamentos metálicos.

• Se você estiver viajando permaneça dentro do automóvel; os automóveis oferecem uma excelente proteção contra raios.

• Busque refúgio no interior de edifícios.

• Mantenha-se longe de árvores isoladas.

• Não permaneça dentro d’água durante as tempestades.

• Em casa, permaneça longe de portas e janelas.

• Evite áreas altas, busque refúgio em lugares baixos.

• Durante uma tempestade, não utilize aparelhos eletrodomésticos, mantenha-os desligados das tomadas e, também, desconecte da antena externa o televisor, assim você estará reduzindo danos.

• Use o telefone somente em uma emergência, os raios podem alcançar a linha telefônica aérea.

• Ao sentir carga elétrica em seu corpo (caracterizada por eriçamento do cabelo e formigamento da pele) jogue-se ao chão.

• Preste atenção à previsão do tempo para o princípio e fim da tarde, quando ocorre a maioria das trovoadas. Tenha um plano de fuga para qualquer atividade ao ar livre e afaste-se dos cumes das montanhas antes do meio-dia. Se tiver de fazer uma longa travessia de barco, tenha especial atenção. As canoas são um dos lugares mais expostos que existem.

• Com mau tempo, evite árvores altas, picos desprotegidos, campos abertos e ou mesmo praias e piscinas.

• Na floresta, procure um conjunto de árvores de altura regular e numa zona baixa, mas longe d’água. Afaste-se de troncos e raízes.

• Se for apanhado em céu aberto, evite árvores isoladas, Faça do corpo uma “bola com pés”, acocorando-se com eles o mais junto possível. Não toque com as mãos no chão.

• Para minimizar o número de pessoas afetadas por um raio, não se junte em grupo. A corrente elétrica pode passar de uma pessoa para outra sem que elas se toquem. Afaste-se de objetos metálicos, especialmente armações de tendas e barracas ou cercas de arame, uma vez que se trata de bons condutores.

• Quando acampar, monte sua barraca longe de lugares com maior probabilidade de queda de um raio, tais como, árvores altas e isoladas.

• Aprenda a fazer reanimação cardiopulmonar. Cerca de 20% das vítimas morrem, mas muitas vezes podem ser salvas se tratadas de imediato.

• Certifique-se de que a tempestade passou completamente antes de prosseguir seu caminho. Muita gente morre antes do clímax de uma tempestade por se aventurar cedo demais.

Facebook Comentarios