Concluída após 15 anos, Estrada do Curê é liberada ao tráfego

628

O Governo do Estado finalizou a pavimentação de 17 quilômetros da MS-178, conhecida como Estrada do Curê, que interliga os municípios de Jardim, Bonito e Porto Murtinho. O tráfego de toda a via, de 26 quilômetros, foi liberado pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) com restrições, considerando que a sinalização de trânsito horizontal e vertical ainda está sendo implantada.

CORREIO DO ESTADO

Abandonado há 15 anos pelos governos anteriores, o acesso rodoviário totalmente asfaltado melhora a infraestrutura viária da região, beneficiando principalmente o setor de turismo, uma das principais fontes econômicas e de emprego naquela localidade. Com investimento de R$ 21,2 milhões, a pavimentação é uma das 200 obras concluídas e entregues dentro do Programa de Obras Inacabadas, lançado há três anos pelo governador Reinaldo Azambuja.

A Estrada do Curê apresentava restrições de tráfego devido ao atoleiro no trecho com revestimento primário e interdição periódica da ponte de madeira devido ao transbordamento do Rio da Prata, que cruza a pista. O Estado construiu no local uma ponte de concreto elevada de 29,5 metros de extensão e pista dupla, alterando inclusive o traçado da rodovia. A via dá acesso a pousadas de Bonito e liga o destino a Jardim e Porto Murtinho pela BR-267.

Acesso à gruta

Além de concluir a obra abandonada por mais de uma década, o Governo do Estado reconstruiu a pista de entrada da cidade de Bonito, de 14 quilômetros, também da MS-178, proporcionando um novo visual e mais segurança para quem está chegando ou saindo do destino turístico. O trecho recuperado compreende o aeroporto ao centro, incluindo uma ciclovia na lateral, que dá acesso ao Balneário Municipal. Investimento de R$ 9,5 milhões.

O total de investimento estadual em infraestrutura viária em Bonito soma R$ 69 milhões, incluindo a pavimentação do primeiro trecho (oito quilômetros) da MS-382, entre o centro da cidade e a entrada da Gruta do Lago Azul, um dos principais atrativos turísticos locais. O asfalto da MS-382 integra o corredor turístico que ligará Bonito e região a Aquidauana, Miranda, Corumbá e ao centro do Pantanal, chegando a Coxim e Rio Verde, no Norte do Estado.

Facebook Comentarios